09 abril 2010

12 fevereiro 2010

11 fevereiro 2010

consulta nacional da ftl

Em junho tem Consulta Nacional da Fraternidade Teológica Latinoamericana, setor Brasil. Veja abaixo:

06 fevereiro 2010

10º Encontro de Folias de Reis

 Foto: Rui Faquini (divulgação)

 
No final de semana passado eu dei um pulo no 10º Encontro de Folias de Reis, que acontece em Brasília, promovido pelo Clube dos Violeiros. Muitos grupos interessantes estavam por lá, representando essa diversidade de Folias de Reis que se espalham pelos quatro cantos do Brasil.

No ano passado eu já havia me surpreendido com a Folia de Reis da Mangueira, vindos da cidade maravilhosa, Rio de Janeiro. Isso mesmo! Mangueira, a verde-rosa (que por sinal são as cores desse grupo de Folia). Não é só de samba que vive o morador dos morros cariocas.

Nesse ano assisti especialmente dois grupos: o primeiro era da Bahia, com um ritmo bastante intenso, meio galope, fugindo do tradicional, incorporando flautins. O segundo era de Santa Catarina, com uma harmonia vocal e instrumental surpreendentes. Fantástica diversidade.

As atrações desse ano foram Saulo Laranjeira (que por coincidência havia topado com ele uma semana antes no Engenho, hotel e restaurante, próximo a BH), Renato Teixeira, Zé Mulato e Cassiano, entre outros.

Mas quem me chamou a atenção mesmo foi a dupla Lourenço e Lourival. Preciso aqui reconhecer minha ignorância: não sabia praticamente nada dessa histórica dupla com mais de 50 anos de carreira. Percebi que o povo reunido na Granja do Torto estava ansioso aguardando a entrada deles, mas não entendia por quê. Até que o Volmi Batista os chamou e o povão aplaudiu efusivamente. Entraram os dois, vestidos de terno, com a viola transpassando o peito e começaram a cantar músicas iluminadas, que falam do estilo de vida do campo, do povo do interior. Muitos se emocionaram. Só então percebi que estava diante de lendas vivas da genuína música caipira.

Já tive o privilégio de assistir Zé Carreiro e Carreirinho, Inezita Barroso, Ely Camargo (que por sinal é parente), Irmãs Galvão, entre outros. Mas o carisma e a singeleza de Lourenço e Lourival não havia ainda presenciado. Foi um privilégio enorme para esse simples mortal que ama a beleza de ser Brasil interior.

Deixo para você a letra de um dos sucessos dessa dupla: Franguinho na Panela. É de emocionar!


Franguinho na panela


No recanto onde moro é uma linda passarela
O carijó canta cedo, bem pertinho da janela
Eu levanto quando bate o sininho da capela
E lá vou eu pro roçado, tenho Deus de sentinela
Têm dia que meu almoço, é um pão com mortadela
Mais lá no meu ranchinho a mulher e os filhinhos
Tem franguinho na panela

Eu tenho um burrinho preto bão de arado e bão de sela
Pro leitinho das crianças, a vaquinha Cinderela
Galinha tá no terreiro papagaio tagarela
Eu ando de qualquer jeito, de butina ou de chinela
Se na roça a fome aperta, vou apertando a fivela
Mais lá no meu ranchinho a mulher e os filhinhos
Tem franguinho na panela

Quando eu fico sem serviço a tristeza me atropela

Eu pego um bico pra fora e deixo cedo a corrutela
Eu levo meu viradinho é um fundinho de tigela
É só farinha com ovo, da gema bem amarela
É esse o meu almoço, que desce seco na goela
Mais lá no meu ranchinho a mulher e os filhinhos
Tem franguinho na panela

Minha mulher é um doce e diz que sou o doce dela
Ela faz tudo pra mim, tudo o que eu faço é pra ela
Não vestimo lã nem linho é no algodão e na flanela
É assim a nossa vida, que levamos na cautela
Se eu morrer Deus dá um jeito, mais a vida é muito bela
Não vai faltar no ranchinho pra mulher e os filhinhos
Um franguinho na panela.

04 fevereiro 2010

MARAGOGI - um paraíso aqui

Foi nesse último janeiro que vi. Foi nesse último janeiro que senti e compus essa canção. Ofereço aos amigos Giovanni e Eline, amigos até o fim. Certamente...




Que a paz infinita me encontre em seus coqueirais
Que a luz sem detença me acolha em seus corais
Que o abraço de suas águas cristalinas e mornas
Me envolva e lave de vez toda culpa e nódoa
Que o sorriso de Deus promova a esperança
e se abra bem largo.

Que os abraços do amigo-irmão não se desgastem
Que as preces e cantos da alma não se apartem
Que o vinho e pão dispostos na mesa
Sempre estejam presentes em vida e beleza
Que a cada verão o sol nos visite com suas surpresas

Maragogi, mar sereno, Alagoas
um lago eu vi
Maragogi, mar aberto, mil cores
Me encontro aqui
Eu me encontro aqui, Maragogi

Maragogi, amarei nosso encontro
Brilha o sol sobre ti
Maragogi, Deus te fez paraíso
Eu o vejo em ti
Vejo Deus sempre aqui
Maragogi

Maragogi, Alagoas, 08.janeiro.2010

30 novembro 2009

show na funarte



21 outubro 2009

pauta funarte 2009

Nesse último final de semana, dia 16 de outubro, saiu a lista dos selecionados para o Pauta Funarte 2009. Para a minha surpresa meu nome estava lá. Foram quase 2.700 inscritos e apenas 60 selecionados para apresentações nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília e Belo Horizonte. Veja os selecionados clicando aqui.

Já encaminhei toda a documentação e o show acontece em Brasília, na Sala Cássia Eller, no dia 4 de dezembro. Você que me lê, é meu convidado. Apareça por lá!

Vejo tudo isso como um grande privilégio de Deus para o meu trabalho como músico, bem como de todos os meus companheiros. É como se dos céus ouvíssemos: "sigam em frente, sou eu mesmo quem abro e fecho as portas". Já foram tantas portas fechadas, que essa agora aberta chega em hora apropriadíssima.

Vamos lá...